Translate

segunda-feira, 30 de maio de 2011

"Antes Deus fala uma e duas vezes; porém ninguém atenta para isso.Em sonho ou em visão noturna, quando cai sono profundo sobre os homens, e adormecem na cama.Então o revela ao ouvido dos homens, e lhes sela a sua instrução. Para apartar o homem daquilo que faz, e esconder do homem a soberba.Para desviar a sua alma da cova, e a sua vida de passar pela espada." Jó 33:14-18 
  Vivemos na esfera das coisas materiais e na maior parte do tempo pensamos no trabalho, nos negócios (dinheiro), em moda (roupas), em tecnologia (celular, câmera digital, notebook, internet), nos relacionamentos sociais (família, filhos, amigos) e em tudo o que nos traz satisfação (doces, bolos, chocolates, salgados, festas, divertimentos, músicas, esportes, filmes etc.). Por outro lado nosso Deus Eterno vive em outra esfera, a espiritual, que é exatamente o oposto de todas as coisas efêmeras com que nos iludimos nesse mundo. Enxergamos tudo ao nosso redor pela visão terrestre e Deus pela visão celeste. 

Assim, quando ele fala conosco, por vezes, não entendemos a sua mensagem. E em razão de pensarmos em coisas desse mundo, não conseguimos entender os mistérios do mundo vindouro. A bíblia é clara sobre isso pois no livro de Isaías diz: "Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos." Is 55:8,9
Somos capazes de ouvir a voz de Deus, mas não de entendê-la. E até em alguns momentos somos como aqueles que ouviram Jesus orar "Pai, glorifica o teu nome" e no mesmo instante uma voz do céu disse: "Já o tenho glorificado, e outra vez o glorificarei" e essa massa de gente disse que havia sido um trovão ( Jó 12:28,29). 


Quando não entendemos o que Deus fala, precisamos de um intérprete. Alguém conheça a "linguagem de Deus" e a linguagem dos homens, alguém como Daniel, quando apresentado diante do rei Belsazar para interpretar o significado da mensagem divina escrita na parede do palácio (Daniel 5:1-17). Encontramos a referência a esse intérprete em Jó 33:23: "Se com ele, pois, houver um mensageiro, um intérprete, um entre milhares, para declarar ao homem a sua retidão." (ACF). Talvez nem todos possam ser o intérprete, pois ele é um entre milhares, e´ o  homem que não é natural pois " ... o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente." I Coríntios 2:14.
O intérprete é aquele que ouve e entende a voz de Deus, é o homem espiritual que precisamos ser, aquele que "... discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido." I Coríntios 2:15.

terça-feira, 24 de maio de 2011

        Hoje, no mundo em que vivemos, temos a sensação de que tudo já foi inventado, conquistado ou descoberto. E às vezes nos sentimos até um pouco infelizes por não ter algo a conquistar ou  a descobrir. Mas há muitas coisas a serem desvendadas ou esclarecidas que por enquanto, continuam sendo um enigma. As chaves que o Senhor deu ao apóstolo Pedro são um bom exemplo disso. 


Jesus disse a Pedro: "... eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus." Mateus 16.19

   
     Que chaves seriam e o que elas significam ?



          Para alguns religiosos seriam as insígnias da autoridade do apóstolo sobre a igreja.  Pode até ser, mas eu tenho outra opinião sobre o assunto.

          Em primeiro lugar, devemos entender que pela definição chaves são instrumentos específicos de cada fechadura que destrancam uma porta que está fechada. E se Pedro recebeu as chaves, ele recebeu algo que lhe garantiu o acesso a um lugar, nesse caso o reino dos céus.

         Para entrar no reino de Deus é preciso estar qualificado, sendo assim, creio que o que ele recebeu foi:
-  o conhecimento da verdade: "E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará." João 8:32

-  a virtude da fé,  porque, somente ... "Quem crer (tiver fé em Jesus) e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado. " - Marcos 16.16

- a graça da humildade, pois Jesus disse " ...  Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus. Portanto, aquele que se tornar humilde como este menino, esse é o maior no reino dos céus." - Mateus 18:3,4

-  a lei do perdão de Deus: " ... se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celestial vos perdoará a vós;"- Mateus 6:14

- o mandamento do amor: "Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis." - João 13:34 

 - o poder do evangelho: "Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum." - Lucas 10:19

- a consagração pela santificação: "Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor" - Hebreus 10:12.

Quem  tiver essas chaves e souber usá-las (colocá-las em prática) terá acesso ao ao céu, ou seja, entrará no reino dos céus.


Pastor Aristeu Rodrigues








sábado, 21 de maio de 2011


  O site http://www.ebiblefellowship.com/pt/index.html marcou o arrebatamento da Igreja para a data de hoje, porém até o momento em que escrevi esse post nada tinha acontecido.
Veja também: http://www.familyradio.com




Essa não é primeira vez que alguém tenta prever a volta do Senhor Jesus. Como todos os outros anteriores comete um grande erro.  A Bíblia é clara ao relatar as palavras do Senhor: " Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai." Mateus 24:36. Entretanto muitos estudiosos querem tentar descobrir o que Deus não revelou a nínguém. 

O arrebatamento da Igreja é um mistério como afirmou Paulo em I Corintíos 15:51:"Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados;" .Isso significa que ocorrerá de uma forma enigmática, sobrenatural, repentina e sem aviso prévio, pois Jesus já alertou: "Portanto, estai vós também apercebidos; porque virá o Filho do homem à hora que não imaginais." Lucas 12:24. Creio que a vinda do Senhor está próxima, porém não podemos prever o dia, a hora, o mês ou ano em que Ele vai voltar. Devemos estar preparados, alertas, mas não podemos nos enganar, daquele dia e hora nínguém sabe. 

Que Deus tenha misericórdia destes irmãos que cometeram um grande equívoco. Eles precisarão de muita oração para se levantarem na fé. Vamos orar por eles. Que Deus os abençõe com a sua Graça.

Pastor Aristeu Rodrigues

terça-feira, 17 de maio de 2011

"E disse: Deixa-me ir, porque já a alva subiu. Porém ele disse: Não te deixarei ir, se não me abençoares." Gênesis 32.26

Para ser abençoado Jacó lutou com um anjo de Deus de noite até o amanhecer e por sua persistência,  recebeu a benção: "Então disse: Não te chamarás mais Jacó, mas Israel; pois como príncipe lutaste com Deus e com os homens, e prevaleceste." Gênesis 32.28. Mas Jacó só foi abençoado, porque deparou-se com um anjo em seu caminho. E se ele não tivesse esse encontro fortuito com o anjo, como poderia ser abençoado ?  E nós hoje como podemos ser abençoados ? Será que devemos sair à procura de um anjo, para  lutar com ele para que nos abençõe ?  Se tentarmos isso, o grande problema será achar o anjo e mesmo que o achemos será que poderemos enfrentá-lo ? O bom senso nos leva a pensar que esse não é o meio mais fácil de ser abençoado.

Existe um meio  mais simples de ser abençoado e que não depende de enfrentar um ser angelical  num combate corpo a corpo. Para sermos abençõados hoje é  necessário que conheçamos dois grandes segredos da  Benção de Deus.

O primeiro segredo: A Fé 

Nós somos abençoados de acordo com a medida da nossa fé.  Se temos muita fé, somos muito abençoados, se temos pouca fé somos pouco abençoados. Recebemos as bençãos de Deus na mesma proporção da nossa fé. Encontramo implícito essa lei da benção em Mateus 9.28,29, quando Jesus perguntou a dois cegos que clamavam por misericórdia - "...Credes que eu possa fazer isto ?" e eles responderam - "Sim, Senhor",  e ouvindo essa resposta Jesus tocou os olhos deles e disse - ..."Seja vos feito segundo a vossa fé." Existe uma relação direta entre a benção e a fé: se você tem fé você tem a benção e se você não tem fé você não tem a benção.

O segundo segredo: Saber Pedir

O segundo segredo não invalida o primeiro, muito pelo contrário depende dele.  Tendo fé,  temos a certeza de que Deus nos ouve em todas as nossa petições, pois em   I João 5:15.  está escrito - "E, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que alcançamos as  petições que lhe fizemos."   Deus nos ouve, mas para Ele nos ouvir precisamos pedir. Só recebe quem pede. Podemos ter muita fé e  se existir algo que queremos, mas não pedimos,  não iremos receber. Deus cuida de nós não deixando faltar as coisas básicas e necessárias à nossa existência, porém aquilo que não é indispensável  à nossa vida, fica a nosso critério pedir. Se quisermos receber qualquer coisa, devemos pedir e pedir com fé. Esse segundo segredo está em Mateus 7:7 - "...Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á." É preciso persistir na oração, batendo na porta dos céus. Às vezes estamos muito perto de receber a benção e desanimamos, deixamos de acreditar e sem fé também deixamos de agradar a Deus. Por isso devemos pedir e insistir até receber, porque é crendo e pedindo que recebemos.





segunda-feira, 9 de maio de 2011

             O mundo em que vivemos, não é feito de realidades, mas de mentiras. Admiro como as pessoas agem com tanta falta de sinceridade umas com as outras. Dentro de mim surge uma pergunta: - "O que estas pessoas estão construindo para o futuro ? Uma vida de mentiras, falsidades, invejas, enganos e fingimentos ?"

Diante de seu semelhante agem como se tivessem o mais puro amor fraternal, como se fossem verdadeiros(as) amigos(as), mas basta o próximo ir embora para  vir à tona o verdadeiro sentimento que nutrem por ele, no mais íntimo do seu ser: emergem críticas, reprovações, zombarias, desejos de maldade, desafetos, indiferenças, invejas, falsidades e até ódio.


      Passamos a conhecer  melhor os que nos rodeiam quando estamos em dificuldades ou  com problemas e não temos nada a lhes  oferecer.





           Nessa hora procuramos os verdadeiros amigos e descobrimos uma triste verdade: alguns deles nunca existiram.
         Também encontramos mais uma vez a prova da veracidade da Bíblia, porque ela diz: "Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?" Jeremias 17:9.


        A verdade existe, como também um amigo verdadeiro que jamais nos abandona: Jesus. Ele não se esquece de nós, em momento algum. Sempre está do nosso lado e principalmente nas horas de angústia, pois está escrito: "Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse dele, contudo eu não me esquecerei de ti." Isaías 49:15.

          Assim como Ele não se esquece de nós, não podemos nos esquecer Dele.


Seguidores